11 março 2007

Alergia a camarão


A novela “Pé na Jaca” mostrou em um dos seus capítulos uma situação em que dois personagens que disputam uma vaga de sócio na empresa que trabalham, apelam para golpes baixos para ganhar a posição. Assim, um deles descobre que o outro é alérgico a camarão e mistura à sua comida pedacinhos do camarão. Não demora muito para a história terminar dentro de uma ambulância a caminho do hospital. Na ficção, tudo bem, é até engraçado. Mas na vida real, a brincadeira pode se tornar perigosa.


A alergia ao camarão e aos frutos do mar é mais comum nos adultos e pode se manifestar de formas variadas, desde uma simples coceira até quadros de emergência como o caso retratado na novela.


A reação alérgica ocorre porque o organismo reage ao alimento com produção de um anticorpo, chamado de imunoglobulina E (IgE), que ataca uma proteína contida nele, originando os sintomas da alergia, em minutos ou em algumas horas após a ingestão do alimento.


A maior parte destas reações a camarão tende a ser leve ou moderada, sendo os sintomas mais comuns a coceira, placas vermelhas na pele, mal estar, inchação em olhos, lábios, boca, garganta. Em alguns casos mais raros, pode evoluir de forma grave surgindo uma reação extrema chamada de anafilaxia (popularmente conhecida como choque anafilático), que envolve diversos sistemas do organismo: circulatório, respiratório, imunológico, resultando numa reação grave e necessitando de atendimento de emergência. Neste caso, a pessoa pode apresentar urticária, vermelhidão na pele, chiado no peito e cansaço, tosse, espirro, náusea, dor abdominal, vômitos e coceira no corpo, dificuldade para respirar, queda na pressão arterial, podendo ameaçar a vida.


O camarão é um pequeno crustáceo aquático que pode ser marinho ou de água doce e pertence à ordem Decapoda, à qual pertencem também as lagostas e os caranguejos. Segundo o Wikipédia, a maioria dos crustáceos são organismos marinhos, como as lagostas, camarões e as cracas e percebes, tatuís ou Emerita brasiliensis (que vivem enterrados nas areias das praias do Brasil), os siris e os caranguejos, mas também existem crustáceos de água doce, como a pulga da água (Daphnia) e o camarão do Rio São Francisco no estado da Bahia(Brasil)e mesmo crustáceos terrestres como o bicho-da-conta e o tatuzinho de jardim que habita as terras brasileiras. Existem ainda várias outras espécies de crustáceos aquáticos que têm no seu nome a palavra camarão, mas pertencem a grupos diferentes, tais como os camarões-de-concha (ordem Conchostraca) e os camarões-girinos (ordem Notostraca). Por outro lado, os camarões comerciais são também conhecidos por outros nomes, tais como gamba ou lagostim (os de grandes dimensões, como o "camarão-tigre-gigante", Penaeus monodon, que pode atingir cerca de 35 cm de comprimento e um peso de cerca de 500 g – que são as dimensões médias dos verdadeiros lagostins).


Diagnóstico

Se uma pessoa tem suspeita de ser alérgica a camarão deve procurar um médico especialista em Alergia que irá analisar sua história clínica, a reação apresentada e realizará testes para comprovar o diagnóstico.

Os testes são realizados pelo especialista utilizando bateria padronizada de alimentos por método de puntura realizado no antebraço e o resultado é imediato, após 15 a 20 minutos. A resposta positiva indica a presença da IgE (imunoglobulina E) para o alimento.

Em algumas pessoas, pode-se utilizar também a dosagem da IgE específica para camarão feita no sangue e realizada em laboratórios especializados.

Considerações sobre a alergia a camarão

- A alergia ao camarão não surge no primeiro contato e por isso, a pessoa pode ingerir o alimento por diversas vezes antes de apresentar a alergia.
- Quem manifesta alergia a camarão, tende a fazer também para outros crustáceos e por isso deve evitar não só o camarão como também siri, lagosta, mariscos, entre outros. Em geral, não há problema na ingestão de peixes.
- Algumas pessoas são muito sensíveis e reagem mesmo com pequenas quantidades do alimento ou até à simples inalação durante o cozimento.
- A presença de alergia a camarão não significa que obrigatoriamente a pessoa terá alergia ao iodo.
- A Quitosana é um produto usado para emagrecimento, obtido através do exoesqueleto de crustáceos como camarão, caranguejo e lagosta e não deve ser usada sem orientação médica em pacientes sensíveis ao camarão.
- A tropomiosina (proteína do camarão) pode ser encontrada em ácaros e em baratas. Por isso, pode ocorrer uma reatividade cruzada entre ácaros, baratas e camarão.
- Algumas reações catalogadas como reações alérgicas a peixes e mais raramente ao camarão devem ser diferenciadas da reação alérgica ao Anisakis simplex, um parasita de mamíferos do mar. O homem ao adquirir a larva deste parasita através da ingestão de peixes crus ou mal cozidos pode apresentar sintomas gastrointestinais. Entretanto, são descritos casos de alergia com surgimento de urticária e até anafilaxia. Nestes casos, apesar da história de reação alérgica após a ingestão de peixe, os testes são negativos e a IgE específica para peixe não é detectada.

Tratamento:

Como não há um medicamento que atue neste processo, o tratamento consiste no afastamento do alimento. Desta forma, o paciente deve evitar a ingestão de camarão e alimentos sob qualquer forma e em qualquer quantidade.

Para finalizar, um trecho de uma crônica escrita por Maurício de Souza,
criador da Turma da Mônica:
“Você, naturalmente, já passou por isso. Está quietinho no seu canto, numa recepção, numa festa, na casa de um amigo, num restaurante e alguém aparece oferecendo alguma coisa que você detesta comer. Mas quem oferece é tão gentil, vem com tão boa educação, com ares de que escolheu aquele "piteuzinho" especialmente para você que... não há escapatória, você tem que pegar, agüentar aquele sorriso embevecido da sua amiga ou do seu amigo à espera da sua aguardada mordida e... rezar para conseguir engolir aquilo rapidamente... sem retorno.
Lógico que seria mais fácil falar: "Eu não gosto disso!" ou "esse camarão me dá alergia!" ou "obrigado, alho não, porque daqui vou para um encontro com minha namorada!" ou "o médico me prescreveu jejum absoluto!".
Mas não. Todos nós somos pegos nessa armadilha gentil, carinhosa, sem condições de reagir, a não ser com engulhos às vezes mal disfarçados. E, se já aconteceu com você, comigo, então, nem se fala. ...
Se não gosta (ou não pode), fale. E não coma.”

Para ler a crônica em sua íntegra, visite:
www.monica.com.br/mauricio/cronicas






210 Dê sua opinião:

«Mais antigas   ‹Antigas   1 – 200 de 210   Recentes›   Mais recentes»
Flávio Nogueira disse...

Parabéns, Dra. Fatima. Muito bom o blog.

Faz muito tempo mesmo que não nos vemos (mais de cinco anos).

Grande abraço

Fátima Emerson disse...

Olá Flávio. Em nome da equipe, agradeço. Um abraço. Volte sempre.

Gisela disse...

Gostei muito das informações sobre alergia e ajuda muito as pessoas "mães" que no momento em que seu filho passa mal vai a um consultório médico e o referido faz uso de seu "poder" para enganar e manipular. Ainda bem que hoje existe sites e blog sobre alergia que não deixam nenhuma uma dúvida sobre os procedimentos tratamentos ,podemos sim ter certeza que está sendo bem tratado e salvo, de tratamentos inadequados.

Anônimo disse...

Oi, meu nome é Suzana Bahiana tenho 40 anos e sou alégica a camarão, sempre comi esta delícia sem maiores problemas, mas um dia tive uma reação violenta que me levou a edema de gloti, por um triz não estaria mais viva tendo a oportunidade de conhecer este blog, ao qual parabenizo a todos pois as informações são bem claras e diretas.
parabéns e continuem o trabalho de orientar e ajudar as pessoas.
\Deus os abençoe.

Informativo disse...

Muito Obrigado Dra. Seu Blog me auxiliou muito, eu e minha namorada comemos camarão na praia do Rosa em SC, e ela apresentou o sintomas em menos de 24 horas, busquei ajuda para entender o que aconteceu e percebemos que o que ela estava passando era por uma hipersensibilidade ao camarão, agora ja sei, ela não comerá mais camarão..


abraços e parabens pelo Blog.

Dr Lúcio Silveira
ADV-Trabalho

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Dr Lucio: agradeço em nome da equipe da Clínica de Alergia da Policlínica Geral do Rio de Janeiro. Semanalmente colocamos textos novos no Blog e aceitamos sugestões através do email: blogdalergia@gmail.com

Anônimo disse...

Para alergia a carangueijo durante a gravidez de 07 meses, com vermelhoes e coceira por todo o corpo. Pode haver riscos ao bebe? quanto tempo em media podemos considerar normal para que "aguentar" o tratamento sem remedios via sanguinea ou via ingestão?
Obrigado Gustavo Burkhard (minha esposa gravida esta com sintomas de alergia a carangueijo)

Equipe PGRJ disse...

Gustavo: grávidas necessitam acompanhamento cuidadoso: o melhor caminho é levar sua esposa a um médico alergista e assim garantir saúde pata mãe e filho.

Anônimo disse...

Discordo do texto em uma parte. Quem é alérgico a camarão mas adora não precisa necessariamente deixar de comer o delicioso crustáceo para todo o sempre. Eu sou muito alérgica (a quase tudo, incluindo camarão) e a anos já tomo anti-histamínicos (loratadina) todos os dias para controlar um pouco a minha rinite alérgica. Um efeito colateral muito bem-vindo desse anti-alérgico é que agora posso comer camarão à vontade! Nem acreditei quando descobri isso por acaso. Aconselho aos alérgicos fanáticos por frutos-do-mar quando não conseguirem mais controlar a vontade, a tomarem um anti-histamínico, pelo menos não vão mais precisar sofrer tanto assim (seja pela abstinência ou pelos sintomas da alergia!).

Equipe PGRJ disse...

Não recomendo esta conduta! O uso do antihistamínico não impede a reação nos casos comprovados de alergia ao camarão. E pode ser perigoso, surgindo uma reação grave! Aconselho que converse com seu alergista a respeito.É provavel que seu caso não seja uma reação verdadeiramente alérgica ao alimento.

Márcia Heloisa Schaefer disse...

Muito boa a matéria.Tenho que fazer os testes de camarão, pois tive uma história alérgica.
Atenciosamente Enfª Márcia

Equipe PGRJ disse...

Márcia: você está correta: a avaliação do alergista poderá confirmar sua alergia e evitar surpresas desagradáveis ao ingerir este alimento. Obrigado pela visita e volte sempre ao nosso Blog.

Ricardo disse...

oi meu nome e ricardo quando tinha 6 anos comir um so camaro e fiquei alergico. mancha vermelhas coceira pelo corpo todo..
agora tenho 28 anos comi vamarao e nao mim deu nada porq sera ricardos61@hotmail.com

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Ricardo: infelizmente não é possível emitir um parecer sobre seu caso sem conhecer seus dados. Uma consulta com o alergista irá ajudá-lo a desfazer esta dúvida através da anamnese, testes e exames se necessários. Obrigado pela visita e volte sempre ao nosso Blog.

Anônimo disse...

Meu nome é Felipe tenho 16 anos e comi camarão diversas vezes e não aconteceu nada!! Só que hoje após ingerir uma empada de camarão cerca de 2 horas depois percebi um inchaço no olho direito o resto tá normal será que é alergia?

ps: não tenho alergia a nada

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Felipe: a alergia ao camarão nunca aparece da primeira vez em que se ingere o alimento. Contudo, para se afirmar se o edema que apresenta é mesmo uma alergia, seria necessário examiná-lo. Aconselho que procure um alergista. A nossa equipe está ao seu dispor na Clínica de Alergia da Policlínica Geral do Rio de Janeiro.

Anônimo disse...

muito bom este espaço para esclarecimento de dúvidas ,comi camarão várias vezes mas agora a 3 dia atrás comi na praia e estou com manchas roxas pelo corpo todo e no rosto não sei como proceder ainda não procurei um profissional pois achei que sumiriam mas estão aumentando cada dia aparece em um lugar diferente

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Infelizmente não há como definir se as manchas que descreve são causadas por alergua a camarão sem examinar pessoalmente. Sugiro que procure atendimento médico para esclarecer o caso e assim indicar um tratamento adequado. Obrigado pela visita e volte sempre ao nosso blog.

Anônimo disse...

Olá. Gostaria de saber se "coçeira na garganta" após a injestão de crustáceos como camarão ou carangueijo, são indícios ou sintomas de edema de glote ou apenas sinais de uma reação alérgica amena e sem mairoes agravantes. Obrigado.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

O sintoma descrito pode indicar uma alergia ao camarão. Evite a ingestão e procure um alergista.

Hellen disse...

Gostei do artigo e das causas que levam a hipersebilidade ao camarao comecei a apresentar a alergia ao 16 anos sempre gostei muito de camarao e comia muito quando era criança... aos 21 tive uma reaçao seria quando estava de ferias no Maranhao comecei a comer e na metade do prato começei a me coçar os labios incharam em seguida meu rosto em seguida as maos junto com as unhas pareciam que os meus dedos iam estourar de tanto inchaço muito dor de barriga e coçeira na garganta falta de ar... foi a pior coisa da minha vida. Tudo isso em 30 minutos apos ter comido cheguei ao hospital muito mal e chorando... A medica disse que se eu ultrapassasse uma hora poderia morrer.
Nunca mais pus camarao na boca apesar de amar!

cecilia disse...

Sempre comi camarão e nunca tinha tido nenhuma reação, porém já ocorreu em duas vezes ,que uns três dias após ter comido o camarão surgiram enormes placas vermelhas. Minha alergia seria mesmo ao camarão?
É normal a reação surgir depois de alguns dias? Fiz um teste numa alergista e deu positivo. Mas tenho dúvidas. Responda-me, por favor. Obrigada.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Helen: continue evitando o camarão e os crustáceos de maneira geral As reações podem ser graves. Obrigado pela visita ao nosso blog.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Cecília: a reação alérgica alimentar não surge da primeira vez que se ingere o alimento. Não é possível emitir um parecer sem analisar sua história e seus dados clínicos de forma minuciosa, mas o seu relato é mesmo sugestivo de alergia ao camarão. Todavia, existem reações que podem confundir o diagnóstico. A nossa equipe está ao seu dispor na Clínica de Alergia da Policlínica Geral do Rio de Janeiro.

Anônimo disse...

Jorge Piaçabuçu - AL
Tenho alergia a camarão, mas antes comia com freqüência, pois meu pai e pescador e eu adoro tenho esperança que esta alergia desapareça como apareceu será que isso é possível? E se for uma substância que meu organismo esteja produzindo tem como reduzir ou eliminar?
Obs: nunca procurei um especialista na área porque ouvi falar que era irreversível

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Jorge: a alergia ao camarão é imprevisível, podendo surgir mesmo quando a pessoa já ingeriu o alimento em outras ocasióes. Uma vez instalada é definitiva. Até o momento não existe remédio ou vacina que reverta o processo.Obrigado por visitar nosso blog

Anônimo disse...

Jorge Piaçabuçu - AL
Agradeço pelas informações, parabéns pelo blog

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Obrigado, Jorge, em nome da equipe da Policlínica Geral do Rio de Janeiro. Volte sempre ao nosso blog.

marcelo disse...

tive uma crise dessas no sabado! jamias imaginei q EU poderia ter alguma coisa do tipo, comi pastéis d camarão e comecei a passar mal mas nao sabia o q era, falta de ar o palato inchou e senti muita coceira no corpo, mas muita mesmo. fui para o hospital e fui medicado com corticóide e fenergan. depois q foi aplicado fenergan dormi durante 18 hs!!!!! ehehehehe

Equipe médica da Clínica de Alergia da Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Marcelo: a primeira vez em que a alergia surge é uma surpresa. Daí pra frente, o remédio é evitar a ingestão não apenas do camarão mas também dos crustáceos e frutos do mar. Obrigado por visitar nosso blog.

angela disse...

oi.. comi camarão e em seguida senti coçeira na garganta e no nariz.. inclusive comecei a espirrar, já comi camarão e nunca havia sentido isso antes. será que pode ser uma alergia?

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Angela: a alergia nunca surge da primeira vez que a pessoa ingere um alimento. É necessário que ocorra uma sensibilização e por isso a pessoa já ingeriu o alimento anteriormente. o alergista confirmará a alergia. Obrigado por visitar nosso blog.

Anônimo disse...

Gostaria de saber o siguinte logo na primeira vez que comi camarao me senti mal, mas os sintomas foram leves, apenas inchaço nos olhos, "coceira na garganta" entao achei q nao fosse alergia a crustáceos, mas pela segunda vez que comi, os sintomas aumentaram a tal grau de ir muito mal ao hospital, e na terceira vez nao sabia que apenas em limpar o camarao para meu esposo isso me levaria ao hospital em estado grave fiquei dois dias enternada, hoje tenho trauma de só ouvir falar em camarao. Isso pode acontecer dos sintomas ir sendo cada vez maior?Obrigada

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

A alergia não surge da primeira vez que se ingere um alimento. Primeiro ocorre a sensibilização. Depois de sensibilizada, a pessoa reagirá sempre que entrar em contato com o alimento. As reações posteriores tendem a ser mais intensas com a repetição da alergia. Obrigado por visitar nosso blog.

Cris e Lúcia Ladeia disse...

Foi bastante esclarecedor o texto sobre a alergia ao camarão. Aos 13 anos eu fiquei sem voz, e quase sem respiração quando comi uma perninha de carangueijo na praia, depois disso, muitos anos depois fui fazer o teste (esse feito no antebraço), e a minha alergista detectou a alergia a camarão (muito forte). Hoje estou com 30 anos, e acho que a minha alergia só piorou, e é das piores, pq quando a vizinha do apartamento abaixo do meu frita camarão, eu tenho que fechar as minhas janelas, pois meus olhos incham, ficam vermelhos, meu nariz coça, é um horror. Toda minha família sabe, quando estou por perto, nada de cozinhar frutos do mar. Uma vez estava num casamento e comi um salgadinho, jurando que era de frango, segundos depois veio a coceira na garganta... é uma tristeza; principalmente pq meu pai faz uma caldeirada de frutos do mar e uma casquinha de siri que todos comem rezando rsrsrs Minha tristeza é não existir uma cura para isso. :( Que peninha :(.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

É uma peninha mesmo, Cris. Mas, existe luz no fim do túnel com as novas pesquisas sobre o uso do Xolair (anticorpo monoclonal) nas alergias alimentares.E ainda muito caro, não está liberado para esta finalidade, mas quem sabe? Daqui a alguns anos será possível "domar" as alergias ao camarão. Obrigado pela sua visita.

Carla disse...

Nunca tive alergia a crustáceos, já tinha tomado quitossana antes,outra marca e não tive nada, porém ontem comecei a tomar novamente e hoje acordei somente com o rosto inchado muito ,vermelho, áspero e coçando muito. Seria sintoma de alergia?

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Carla: a alergia surge após um período (variável) de ingestão do camarão. Aconselho que procure um alergista para uma análise do seu caso. Obrigado por visitar nosso blog.

Anônimo disse...

Minha família toda é alérgica a camarão e a milhões de outras coisas. Certo dia fui almoçar num restaurante japonês e sem querer comi um rolinho primavera que tinha camarão, nunca havia posto um na boca sabendo do histórico da família, em 10 minutos já senti minha boca formigando e descobri assim que havia comido camarão e era alérgica ao bendito.
Eu discordo dos posts acima que é necessário ocorrer primeiro a sensibilização, porque senão como eu poderia ter tido alergia no primeiro contato?

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Estudos científicos mostram que não se tem alergia da primeira vez. Assim como você comeu sem querer um rolinho primavera sem saber que continha camarão, provavemente já havia ingerido anteriormente sem detectá-lo, ou ingeriu um alimento quimicamente semelhante. Obrigado por sua participação em nosso blog.

JAMIL disse...

Oi,meu nome é Jamil,antes dos meus 20 anos não tinha nenhum tipo de alergia(hoje tenho 30)e toda vez que como camarão tenho alergia (coceira no corpo todo, inchaço, placas vermelhas...)O que devo fazer? posso tomar anti-alérgico e comer camarão?

Anônimo disse...

Oi, meu nome é Vitoria, tenho 28 anos e ate hj nunca fiz teste para saber se tenho alergia a algum tipo de alimento. Ontem a noite comi rodizio e tinha camarao, qd cheguei no restaurante estava tudo normal comigo, mas qd estavamos indo embora meu nariz estava todo entupido. Chegando em casa espirrei varias vezes, meu nariz coriçava muito e uma sensação de não conseguir respirar muito. Pensei que eu fosse gripar. Hj acordei e meu nariz ainda estava entupido, e a secreção com uma coloracao diferente(amarelada meio escura). Voces acham que pode ser alergia ou um inicio de gripe?

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Vitória: o seu relato não é claro de uma alergia ao camarão: sugiro que procure um alergista para orientar seu caso. Obrigado pela visita ao nosso blog.

Anônimo disse...

oi meu nome é wesley, tenho 14 anos semana passa comi camarão seca de 3h depois eu estava c/ o corpo todo avermelhado, como coseiras pelo corpo, tusindo muito, sepirnado c/ falta de ár diarreia e no outro dia amanheci c/ febre.
será q isso pode ser alergia a camarão

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

É possível, Wesley. Mas, para confirmar é necessário examinar pessoalmente. Obrigado por sua visita.

Anônimo disse...

OMEGA 3 PODE DAR ALERGIA , DEVIDO A SUA FORMULA?

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

A alergia é uma reação imprevisível que pode ocorrer com uma substância em pessoas predispostas. obrigado pela visita em nosso blog.

Anônimo disse...

Olá, começei a tomar Quitosano á três ou quatro dias e desde ai estou com pequenos borbulhos pelos corpo todo que dão muita coceira e parece que alastram quando coço. serei alergica a crustacios?
Joana Santos

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Quitosana pode provocar alergia em pessoas alérgicas ao camarão, mas para afirmar sobre seu caso, é essencial examinar pessoalmente. Estamos ao seu dispor na Policlínica do Rio de Janeiro. Agradecemos sua visita e aproveitamos para convidar a assinar nosso blog, passando a receber nossos textos diretamente em seu e-mail.

Anônimo disse...

Boa Tarde!

A cerca de 5 anos comecei a apresentar entre minhas coxas, acima de minhas axílas e por trás dos meus joelhos uma alérgia que coça bastante. Ela apresenta uma forma irregular, começa com umas bolinhas e elas se expandem em um aspaço de 2 centímetros mais ou menos. Aparece e some sozinha, passo uma semana com os sintomas e vários dias sem sintomas, não deixa cicatriz (a não ser que eu coce), não se espalha pro restante do corpo e não passo pra ninguém. Nesses dias me lembrei que também a cerca de 5 anos comecei a comer camarão com mais frequência e antes desse período era quase zero meu consumo de camarão. Sempre comento com os médicos e eles me passam umas pomadas que naum tem efeito algum, mas a ultima médica que fui me pediu uma biopsia para investicar as causas. Desde já, agradeço qualquer comentário.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

O seu relato não sugere que seja uma alergia ao camarão. O exame histopatológico (biópsia) poderá indicar a causa de seu problema. Agradecemos sua visita.

Anônimo disse...

Olá, gostei da matéria ... sempre comia camarão, aos 20 fui jantar num restaurante de sp e comi um monte de camarão, tudo tranquilo, de madrugada acordei com uma coceira no rosto, quando olhei no espelho, tudo inchado, meus olhos, rosto todo vermelho, minha cabeça inteira coçando... fui ao médico e tomei uma vacina e melhorei, depois disso não podia nem sentir o cheiro do camarão, até o começo de 2009, quando fui pra fortaleza e lá me deu um vontade de comer camarão, não tive duvida e comi um monte.... no começo foi até estranho, pq o meu psicologico dizia que ia passar mal, mas a vontade falou mais alto. Fiquei comendo na praia e com o tempo senti coçar os meu lábios e parei de comer, mas não passou disso. Pergunto, pq dessa vez a alergia foi menor? Ainda me aventuro a comer de vez em quando, mas só como camarão alho e oleo ou a milanesa, aqueles a vapor só o cheiro me deixa zuado.

Anônimo disse...

alergia mesmo é uma tristeza
Eu sou alérgico a algo químico.
Comi miojo e maionese sache e me deu alergia.
Coçou a garganta e mta tosse e perdi a voz.
tomei celestamine e voltou a normal.
é horrível.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Ser alérgico não é mesmo muito fácil. A base para superar sua alergia é educar-se, conhecer sua doença e trabalhar em parceria com seu alergista. O uso do Celestamine só deve ser feito com orientação médica. Aconselho que procure um especialista para orientar seu caso: para ter indicação, visite o site da ASBAI: www.sbai.org.br Agradecemos sua visita e aproveitamos para convidar a assinar nosso blog, passando a receber nossos textos diretamente em seu e-mail.

Anônimo disse...

meu namorado é germany, dizia ser alergico a camarão de agua doce do brasil, um dia ele comeu camarão de agua salgada e quase morreu, graças a Deus tinha uma ambulância do SUS proximo de casa e salvou a vida dele. Ele ingeri camarão em Germany e não tem nada, porém no Brasil sempre acontece isso. Já pedi para ele não comer camarão lá, mas ele é teimoso e sempre fico depressiva quando ele demora para mandar noticias. Gostaria de saber se existe diferença de especies ou pq só aqui o camarão é nocivo para ele. Obrigada jan

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Não é aconselhável que seu namorado insista em comer camarão pois a reação alérgica tende a piorar e provocar situações muito graves, ameaçando sua vida. Agradecemos sua visita ao nosso blog.

Tula carvalho disse...

Olá, me chamo Tula carvalho, recentemente fiz ige específico para alguns alimentos, dentre eles estava o camarão e fiquei surpresa com o resultado positivo na classe baixo, apesar de nunca ter observado nenhuma reação alérgica sobre ele, no entanto a minha médica disse para não comer mais camarão, caranguejo e peixes, gostaria de saber se estes alimentos estão mesmo relacionados ou se poderia fazer um ige específico para cada um deles? Gostaria muito de um esclarecimento em relação a este assunto. Obrigada

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Tula: a dosagem da IgE específica para alimentos pode indicar uma alergia. É comum que haja reação cruzada entre crustáceos, ou seja, em geral, as pessoas que são alérgicas a camarão têm maior chance de desenvolver alergia a lagosta, siri, caranguejo. Mas, o mesmo não ocorre com o peixe. Lembro que um exame não deve ser interpretado isoladamente, mas sempre correlacionado com a história e dados clínicos de cada paciente. aconselho que exponha suas dúvidas à sua alergista, que conhece bem seus dados e poderá orientá-la adequadamente. Obrigado pela visita ao nosso blog.

MICHAEL disse...

OI gostaria de saber, no caso de apresentar urticária e demorar para sair o que fazer? ja tomei histamini, loratadina injeção de Decadron e nao esta adiantando sempre aparece uns vergões e esquenta a parte do corpo que eu bater ou entrar em atrito.O que fazer??? pois comi muito camarão no mes de janeiro e até agora esta no corpo então?

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Michael:o tratamento da urticária não deve ser feito sem a orientação de um alergista. É preciso analisar seus dados clínicos de forma minuciosa a fim de que a causa seja detectada e controlada. A nossa equipe está ao seu dispor na Policlínica. Obrigado pela visita ao nosso blog.

Rafael Araújo disse...

Oi, meu nome é José Rafael De Souza Almeida Araújo, bem venho até vocês por que tenho uma
dúvida bastante intrigante; quando comi camarâo de agua doce me deu uma baita de uma alergia, uma forte reação ao camarão, mas quando comi e como camarão de agua salgada nada me dá não sinto nenhuma reação ao camarão. a minha pergunta é porque isto ai descrevido acontece...??? Desde já agradeço a todos e o blog está de parabéns. Obrigado

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Rafael: em primeiro lugar é importante confirmar se é mesmo uma alergia, qual o tipo de alergia e verificar sepossa ter sido um outro tipo de reação ao ingerir o camarão. Por isso, aconselho que procure um alergia a fim de que possa fazer testes (na pele e/ou no sangue) para definir o tipo de sua reação. Obrigado pela visita. Seu incentivo é muito importante para o nosso trabalho voluntário no Blog da Alergia.

Antonio disse...

Adorei a materia, pena que não tenha cura para esta alergia, eu adoro camarão, mas não posso ja tive uma parada cardiaca, por causa desta iguaria. obrigado pela matéria. Antonio

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Obrigado, Antonio. A medicina já tem cura para tantas doenças e quem sabe teremos uma solução para os alérgicos a alimentos...Agradecemos seu incentivo. É um estímulo ao nosso trabalho voluntário neste blog da Alergia. Volte sempre para nos visitar.

jefferson disse...

oi,sou muito alergico a acaros desde pequeno,a uns meses fiz o teste e deu muito alto a acaros sempre comi camarão nunca tive reação mas estou com um certo receio de comer depois de assistir uma reportagem,faço imunoterapia e perguntei a minha alergista se poderia comer camarão ela falou que sim mas mesmo assim estou com medo o que eu faço

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

A alergia alimentar é imprevisível, ou seja, não há como afirmar se terá ou não uma alergia ao camarão. A imunoterapia não interfere na alergia alimentar. Obrigado pela visita.

Anônimo disse...

vcs estao de parabens mto legal poderia me tirar uma duvida? fui num rodicio de japones passei mal 1 hora depois minha garganta começo fechar deu falta de ar tontura vomitei mto ate nao poder mais uns 6 meses depois fui novamente so comi peixe e nao aconteceu nada depois de duas semanas voltei la so comi camarao empanado frito logo uns 15 minutos depois começo a fechar minha garganta e deu falta de ar ao perceberparei na hora assustu mto esses sintomas podem ser ao camarao???? obrigado fernando

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Fernando: o seu relato sugere uma alergia ao camarão. Aconselho que procure um alergista para orientar seu caso. Não recomendo que coma novamente o camarão pois a reação alérgica tende a se agravar.Obrigado por sua visita e pelo incentivo ao nosso trabalho voluntário neste blog.

Anônimo disse...

Olá, eu não sou alérgica a crustáceos mas meu marido é. Gostaria de saber se eu posso tomar quitosana sem causar riscos à saúde dele. Obrigada!

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Se você não tem alergia a camarão, pode utilizar quitosana. Obrigado pela visita ao nosso blog.

Adriana disse...

Olá, meu caso é o seguinte: quando vou a praia como camarão a vontade e nãome acontece nada, mas quando compro no mercado, ou seja, que ele esteja congelado, logo vem a reação, muita coceira nos olhos, parece que tem grãos de areia dentro deles, é horrível. Gostaria de saber o porque? Qual a diferença de comer o camarão congelado e comer ele fresco. Obrigada!

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

A alergia ao camarão é causada por uma proteína chamada tropomiosina. A alergia surge sempre que a pessoa ingere o camarão, em qualquer forma, mesmo em mínimas quantidades. Para emitir um parecer sobre seu caso, é essencial avaliar pessoalmente. Estamos ao seu dispor na Policlínica RJ.

Anônimo disse...

Gostei muito das matérias porém estou aflita pois tenho uma amiga que comeu lula frita no óleo de camarão , teve choque-anafilático e hoje se encontra em coma por duas semanas , os aparelhos já foram tirados e o funcionamento do corpo está perfeito mas ela continua dormindo.Por 2x bocejou e não reconheceu ninguém...gostaria de saber se nesse caso quais as chances de sobreviver.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Peço sua compreensão, mas o parecer que solicita é complexo e de grande responsabilidade. Por isso, não pode ser feito através de aconselhamento por e-mail. Aconselho que solicite este esclarecimento à equipe médica que acompanha sua amiga. Gratos pela visita.

Anônimo disse...

Eu já comi camarão por diversas vezes, entretanto da última vez que ingeri(bobó de camarão) meu lábio inferior Inchou, Pode ser Alergia? e há algum medicamento contra essa alergia?

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

A alergia não ocorre na primeira vez em que se ingere um alimento. O seu relato sugere que possa ter sido uma alergia, mas para confirmar é essencial examinar pessoalmente. Aconselho que procure um alergista. Gratos por sua visita.

Anônimo disse...

Olá. meu nome é José Augusto tenho 23 anos,e comi camarão diversas vezes quando criança, fazia alguns anos que não comia camarão, então alguns dias atras fui em um restaurante e comi uma pizza de camarão, achei que tinha pimenta na pizza pois minha garganta começou a coçar e queimar senti um mal estar que durou quase uma hora, depois disto sempre que tento comer camarão a reação é a mesma. seria alergia?Obrigado.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

José: o seu relato não é suficiente para que se tire uma conclusão. Aconselho que procure um alergista para orientar seu caso. Gratos pela visita ao nosso blog.

elias disse...

Gostei das informações sobre alergia!
Não como camarão e evito qualquer outro tipo da familia do mesmo!
Porem tenho na minha familia e entre amigos, pessoas que precisam muito destas informações, porque eles sofrem muito ao comer camarão ou da familia do mesmo!
Vou indicar urgente a eles que leiam este artigo.

Muito obrigado a Equipe e a voce Dra.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Obrigado, Elias. As suas palavras são um incentivo ao nosso trabalho voluntário no Blog da Alergia. Aproveitamos a oportunidade para convidá-lo a assinar nosso blog, passando a receber nossos textos diretamente em seu e-mail.

Anônimo disse...

olá, sou alergica a várias coisas, quando pequena, uns 4 anos, comecei a tomar as vacinas, hj tenho 29, tenho crises alergicas constantes, mas fico me policiando para não tomar remédio. Sobre o camarão, a primeira vez que tive uma reação grave foi aos 7 anos, nunca mais comi, só o cheiro me deixa inchada/deformada, mas um dia decidi comer casquinha de siri, porque minha mãe é alergica como eu e disse que não sentiu nada comendo siri, fui lá e comi, achei muito bom e não me deu alergia também, comi já umas 2 vezes e nenhuma alergia, será que se eu comer lagosta também não terei alergia?

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Não há como prever, mas existe uma alta chance de desenvolver alergia também para lagostas. Converse com seu alergista e peça uma orientação. Gratos pela visita.

Anônimo disse...

só o cheiro do camarão meu olho fica enchado!!
muito tenso

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

A solução é evitar o camarão e crustáceos de maneira geral. Aconselho que procure um alergista para orientá-lo. A nossa equipe está ao seu dispor na Policlínica RJ.

Anônimo disse...

Tenho 30 anos e sempre comi muito, muito camarão pois moro na praia, à uma semana comi camarão e tive um severa desinteria cerca de 1/2 hora depois de comer, não liguei ao camarão. Ontem comi alguns camarões(+-10unidades)e hj a tarde tive novamente uma leve desinteria, mas tb não liguei ao camarão. Mas agora a noite voltei a comer camarão em uma quantidade maior e cerca de 1/2 hora depois tive novamente uma desinteria muito forte, severa mesmo.
A alergia a camarão pode se desenvolver na forma desses sintomas?
Li todos os relatos acima e ninguém relatou isso. Mas estou com medo de uma reação mais forte.
Ah, a probabilidade de uma intoxicação alimentar é quase nula pois comi em lugares diferentes e as outras pessoas que dividiram o prato não sentiram nada.
Agradeço a atenção e aproveito para parabenizar pelo blog.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

O camarão é um alimento que pode provocar reações variadas, nem sempre imunológicas (alérgicas) Para orientar, é essencial avaliar pessoalmente, conhecer melhor seu dados clínicos e, se necessário realizar teste com o alimento Aconselho que procure um alergista Estamos ao seu dispor caso more no Rio de Janeiro.

Anônimo disse...

olá td bem, bom estava eu e minha filha a praia e nos duas comemos um pastelzinho de camarão, logo fomos embora, mas assim que chegamos minha filha comentou q estava com dor de estomago,não dei muita bola, mas no outro dia ela estava toda cheia de bolinhas no ocrpo avermelhadas e com orosto inchada...levei ela no medico e ele passou uns antialergicos mas na pele tá dificil de melhorar?

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Aconselho que retorne ao médico alergista para nova avaliação. Infelizmente não tenho condições para avaliar sua alergia ou para julgar seu tratamento baseado apenas nos dados enviados. Caso more no Rio de Janeiro, a nossa equipe médica está ao seu dispor na Cínica de Alergia da Policlínica Geral do Rio de Janeiro para examiná-la e prestar maiores esclarecimentos.

margareth disse...

Olá ! Tenho 38 anos, como camarão desde criança e nunca tive problemas. Mas neste janeiro minha sogra comprou muito camarão e durante uma semana comemos vários pratos a base de camarão, principalmente camarão frito com cervejnha, rsrsrs. Percebi que apareceram manchas de vários tamanhos na minha pele, desde pequeninas como a circunferência da cabeça de um pequeno preguinho até o tamanho de uma moeda de 10 centavos. Têm formato irregular e bolhinhas bem miudinhas. Apareceram no abdôme, braços e peito. Sinto um pouco de coceira, como se algo estivesse encostando e logo logo já não coça mais. Estou um pouco em dúvida se pode ser o camarão ou um novo óleo corporal que estou usando há 2 semanas.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Margareth: peço sua compreensão, mas não tenho condições para diferenciar se as lesões em sua pele correspondem à uma alergia ao camarão ou ao óleo corporal. Para isso, é essencial examinar pessoalmente. Aconselho que procure um alergista. A nossa equipe médica está ao seu dispor na Clínica de Alergia da Policlínica Geral do Rio de Janeiro. Gratos por sua visita.

Anônimo disse...

Olá,
Gostaria de saber quanto tempo demora para passar a alergia a camarão, pois uma pessoa me disse que as placas vermelhas da alergia a camaração que ela teve demorou 45 dias para passar. Isto é possível?

Michelle disse...

Oi sou a Michelle, quando eu era criança comia camarão e não me dava nada de pois quando eu tinha 20 anos quando comi o camarão e pela primeira vez me deu muita cólica e coceira e até trancou a garganta que me empedia de respirar um pouco aí eu bebi água voltei a respirar normal, pois não sabia que era alergia no camarão, e quando foi na outra vez eu fui no rodízio de pizza e comi pizza de camarão e não deu nada, e na outra vez eu comi enpadinha de camarão e aí deu alergia, quando a minha prima fez camarão em casa não deu nada, será que é tipo de camarão que provoca alergia?

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

O tempo de duração de uma reação alérgica é variável pois depende de muitos fatores, como por exemplo: 1) tipo da reação 2) intensidade da reação 3) tratamento efetuado 4) presença ou não de agravantes, entre outros. Por isso, não há como prever uma duração padrão que sirva para todos os casos. Agradecemos sua visita.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Michelle: uma pessoa portadora de alergia ao camarão, apresentará sintomas mesmo com mínimas quantidades do alimento. Aconselho que procure um alergista para orientá-la. Estamos ao dispor na Policlínica RJ.

Anônimo disse...

Bom, meu nome é kelvin e eu amo camarão mais toda vez que como, da uma conceira imensa na garganta e no ouvido, e depois não consigo comer mais nada, bom é alergia?

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

É possível que possa ser uma alergia ao camarão, Kelvin, mas não há como afirmar sem examinar pessoalmente. Numa consulta médica sua história clínica será avaliada e se necessário, será realizado um teste com alimentos para comprovar o diagnóstico. Estamos ao seu dispor na Policlínica RJ. Gratos pela visita.

Dani Fischer disse...

Obrigada pelas informações! Na semana passada ingeri camarão sem saber (pois estava em um molho servido com salmão). Passei mal mesmo, com muita vermelhidão no rosto e inchaço no abdomem. Não precisei de atendimento hospital, mas gostaria de saber se posso tomar algum chá, algo que "podemos ter em casa", para passar o mal estar...obrigada! Abraço!

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Dani: desconheço que tipo de chá poderia ajudar. É ideal que esteja atenta aos alimentos que ingere e às possíveis contaminações. Sugiro que peça ao seu médico alergista para orientar uma medicação que possa ter em casa para uso nestas situações. Obrigado pela sua visita.

Anônimo disse...

Oi....As vezes comia camarão e nunca tive problemas, a cerca de 20 dias fui jantar num restaurante e como camarão.. antes de chegar em casa senti coceira pelo corpo, quando me olhei no espelho estava com os labios inchados como se fossem feridinhas e placas vermelhas pelo corpo, com o passar do tempo não aguentei a coceira pelo corpo e tive dificuldades para respirar, fui levada ao pronto socorro tomei fenergam injetavel ,soro e tomei oxigeneo por umas tres horas...até os sintomas melhorarem.. Pretendo fazer o teste de alergia. Será alergia ao camarão ?

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

O seu relato sugere que tenha sido uma reação alérgica ao camarão, mas para confirmar o diagnóstico é essencial uma consulta médica tradicional. Aconselho que procure um alergista. Estamos ao dispor na Policlínica RJ.

Anônimo disse...

Boa Noite Drs.

Desde Sexta feira quando comi camrão apresentei um quadro cheio de alergia, paracendo até um Sarampo pela pele toda, fui ao medico na Segunda, que passou antihistaminico e injeção, entretanto, hoje, quinta da semana seguinte, os sintomas continuam o mesmo. Já no quarto dia do remedio que devo tomar 7 dias, e mesmo com a injeção. Gostaria de saer qual o tempo de duração dessa alergia em nosso corpo? existe uma média? Tenho alergia ao sol, mas quando tomo remedio, saro dois dias depois.
Obrigada a equipe!

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Não há como afirmar um tempo certo para resposta ao tratamento pois não sei a medicação prescrita, desconheço nomes e doses e não examinei durante a alergia. Mas, pelo seu relato já deveria estar melhor: recomendo que retorne ao seu alergista para nova avaliação e conduta. Agradecemos sua visita ao nosso blog.

Anônimo disse...

Sou nascida em praia e passei a vida comendo tudo o que o mar oferecia de melhor, e foi assim até os 40 anos, quando um dia após ter comido camarão tive uma supresa, acordei inchada e passando muito mal, fui parar no hospital e não sei como sobreviví. Outras pessoas comeram e tudo bem, eu só tive o quadro alérgico, desde este dia nunca mais passei perto de crustáceos e não vejo nenhum problema nisto, tem tanta coisa para comer ainda.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Alergia é mesmo assim: pega de surpresa, depois que já ingerimos um determinado alimento por muito tempo. Um abraço - agradecemos seu depoimento ao nosso blog

Alícia Martins disse...

OLÁ, meu nome é alícia, gostei muito das informações, mas gostaria de fazer uma pergunta com relação aos componentes dos frutos do mar e os crustaceos de agua doce, eu tenho alergia desde os 6 anos, antes comia e não tinha nada, porém um dia em casa apresentei reações alergicas e posteriormente comi de novo e o mesmo aconteceu, depois teimei e escondido apenas chupei a patinha do carangueijo e fiquei até sem ar, de lá pra cá não posso nem sentir o cheiro de qualquer fruto do mar, que já começo a me coçar e a ficar avermelhada e as vezes a depender do tempo de inalação até fico com dificuldades pra respirar. Sempre achei que era o iodo, pois não apresento alergia à peixes de agua doce, porém meus pais compram o chamado camarão pitú de agua doce, e o cheiro dele também é muito semelhante ao do mar e eu fico com a mesma sensação ao sentir o cheiro, porquê?? seria apenas o meu psicológico, ou isso realmente pode acontecer? existem componentes iguais no de agua doce e salgada? e porque, então, eu seria alergica aos peixes do mar e não aos de agua doce??
É uma dúvida realmente crucial na minha vida, adoraria saber a resposta!!
OBS: também tenho rinite alérgica!!

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Alícia: a alergia ao camarão não tem relação com o iodo, mas resulta de uma proteina (tropomiosina) que está também nos crustáceos de maneira geral, mas não nos peixes. Pessoas alérgicas a crustáceos não têm obrigatoriamente reação a peixes. Aconselho que procure um alergista para orientá-la adequadamente e assim evitar novas reações alérgicas. Caso more no Rio, estamos ao dispor na Policlínica RJ.

francis disse...

oi tenho alergia ao camarao, nunca fiz exame mas percebi quando me deu uma forte urticaria no corpo inteiro formando um mapa, coçando principalmente em partes quentes do corpo.
mas queria tomar quitosana.
todas as pessoas q tem alergia a camarão nunca poderão tomar quitosana??
e quanto é o exame médigo com alergista?
obrigada..

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Francis: 1) sendo a quitosana um produto obtido a partir de crustáceos, há uma grande chance de provocar alergia em pessoas alérgicas ao camarão. 2) Para informações sobre o atendiemtno e serviços da nossa Clínica de Alergia, por favor, ligue para 2517 4206 ou 2210 2810 (de segunda a sexta de 8 às 16 horas). Gratos por sua visita.

Alícia Martins disse...

Muito grata pela resposta, bastante esclarecedora, é bom saber que não é o meu psicologico q me faz passar mal com o camarão de agua doce também (rsrsrs)!!!

Obrigada pelo conselho, realmente irei procurar um alergista em minha região (pra analizar a persistência dessa alergia tb em peixes do mar), infelismente não moro no rio,senão concerteza os procuraria, sou baiana!! Deus os Abençoe, realmente obrigada!!!

Anônimo disse...

olá eu fiz o camarao e nao comi so peguei um pouco do caudo e pinguei na mao pra sentir se o sabor estava bom,daq a pouco meus olhos encharam e ficaram quemando e ardendoisso foi uma reaçao alergica se é que eu entendo,mas estor com suspeita do remedio que pode ter provocado essa reaçao alergica pois tenho asma cronica e tomo foraseq e ele é muito forte a cada dia que eu tomo fico com medo,nao sei o que eu faço.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Foraseq não provoca alergia ao camarão. Foraseq é uma medicação inalada usada no tratamento de controle da asma. Trata-se da chamada “terapia combinada” pois contém num mesmo inalador, dois medicamentos: um broncodilatador (formoterol) e um corticóide inalado (budesonida). Este remédios tem objetivo de atuar sobra a inflamação dos brônquios, controlando a doença e prevenindo as crises de asma. O uso inalado é seguro e formulado de forma especial em doses mínimas (microgramas). Por isso, atua diretamente nos brônquios, com mínimo de reflexos no resto do seu organismo e com muito menos efeitos colaterais comparados aos corticóides usados sob a forma de comprimidos e xaropes. Gratos por sua visita.

Valdilene disse...

Olá!!!Moro em Campinas, e tive reação alérgica grave após comer estrogonofe de camarão,meu corpo ficou todo vermelho, com inchaço, calor excessivo,e falta de ar, estava no shopping e fui ao hospital de ambulância, lá me medicaram com corticóide, adrenalina,soro e tomei por 5 dias anti-alérgico.Já havia tido alergia a alguns antiinflamatórios e analgésicos, mas a reação era apenas inchaço nas pálpebras.
Passei com alergologista que me pediu exames especificos para vários alimentos,fiz após 45 dias do ocorrido, e os exames deram negativo.O Alergologista falou q devo repetir os exames daqui um ano, pois devido a medicação pode dar negativo mesmo, fiquei super traumatizada com essa reação alérgica, e gostaria de saber se aumenta a possibilidade de ter reações alérgicas a outros alimentos e a picadas de inseto aumentam, devido já ter ocorrido ao camarão?E também me falaram que devo evitar ir na praia por um bom período, isso é verdade?Obrigada!O Blog de vcs é maravilhoso!!!

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Valdilene: as pessoas alérgicas a camarão tendem a ter reações a todos os crustáceos. Mas, não aumenta a possibilidade de outras alergias alimentares. Agradecemos seu carinhoso inventivo ao nosso trabalho voluntário neste blog. Aproveito a oportunidade para convidá-la a assinar nosso blog e passar a receber nossos textos diretamente em seu e-mail.

Anônimo disse...

Por favor , trabalho no meio médico ( sou propagandista de medicamentos ) , por força de meu trabalho , sou obrigado a ler muito , de vários assuntos médicos , mas uma coisa me intriga : Sempre comi TODO tipo de frutos do mar , sendo que. , uma vez fiz episódio de urticária forte com camarão. Depois disso fiquei 1 ano SEM comer NADA do mar , APENAS peixe . Voltei a comer camarão , em empadas , acarajé etc . . .
Acontece que fiz o MESMO episódio ( urticária forte ) tratada com anti-alérgico ( hidroxizine 25 mg ) e injeção de Diprospan .

Pois bem a partir daí não comi mais camarão ! Acontece que , semanalmente como acarajé , que vem com 4 camarões secos , e NUNCA senti nada ! Também me alimento com SIRI ( 2 vezes ao mês ) nada sinto !

Na semana passada , comi 10 camarões médios fritos com alho , após exatas 2 horas , tive uma urticária horrível , tendo de tomar outra vez , os medicamentos acima citados ! Pergunto : Que alergia é essa , que as vezes aparece e outras não ? Estou com nível de colesterol elevado , por isso tenho buscado comer peixe ( inclusive CRU , gosto de sushi ) , já disse antes , comi camarão SEMPRE e hoje em dia , ÀS VEZES , faço episódios de urticária forte , SEM edema , apenas urticária , no peito e costas SOMENTE . Já procurei medicos , e todos disseram , para NÃO ingerir mais camarão . Confesso que não entendo essa resposta , pois numa hora faço a urticária e outra não ! Podem ajudar-me a entender ? Tenho pleno conhecimento que uma consulta médica , é benéfica , mas penso que um parecer poderá ser dado, com a precisão das informações dadas acima . Muito obrigado e sucesso !

Sérgio Murillo disse...

A alergia pode aparecer vez sim , vez não. As vezes quando ingiro camarão , faço episódio de urticária FORTE , sem edema , apenas " placas " vermelhas no peito e costas ! Me alimento com camarão desde pequeno ( estou com 51 anos )

Realmente estou confuso ! Já fiz esta urticária comendo meia dúzia do crustáceo , e em outras oportunidades quando comi BASTANTE , NADA ACONTECEU !

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Sérgio: a alergia não ocorre da primeira vez,mas sim com o passar do tempo, à medida que a sensibilização se desenvolve. No caso de uma reação imunológica comprovada, a reação surge em todas as ocasiões em que o alimento for ingerido. Aconselho que procure um alergista para receber uma orientação adequada. Gratos por sua vida.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

A alergia ao camarão surge todas as vezes que o alimento é ingerido, mesmo em quantidades mínimas. Contudo, muitos outros fatores poderão infleuencias. Em primeiro lugar, o alergista confirmará se a ração apresentada é realmente alergica. Pode-se fazer o teste cutâneo, dosar a IgE específica no sangue e até testar o camarão com diferentes modos de preparo (cru,cozido, seco, frito,assado), realizado pelo menos 4 semanas após último episódio de urticária. Em alguns casos, pode-se pensar que seja o aliento mas a avaliação clínica pode demonstrar outras substâncias como causa do problema. Caso more no Rio, a nossa equipe médica está ao seu dispor na Clínica de Alergia da Policlínica Geral do Rio de Janeiro para avaliar seu caso e prestar maiores esclarecimentos

Cíntia Verusca disse...

Meu filho tem 7 anos e desenvolveu uma alergia ao camarão há duas semanas atrás. Estou com medo de dar à ele outros tipos de peixe. Ele gosta mt e fala q tem vontade comer. Será q ele pode comer filé de peixe de água doce, sardinha??? Esses dias fiz uma torta de sardinha, mais não deixei ele comer, estou com mt medo. Me ajudem por favor. Obrigado pela atenção.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Cíntia: não existe uma orientação padronizada que sirva para todas as pessoas alérgicas. Por isso, o parecer que solicita não pode ser emitido através da internet, sem conhecer o caso do seu filho e sem examiná-lo pessoalmente. Em geral, as pessoas alérgicas ao camarão toleram bem os peixes e tendem a fazer reação com mariscos, frutos do mar e crustáceos em geral.Mas, o caminho mais adequado é levar seu filhinho a um alergista. Caso more no Rio, estamos ao seu dispor na Policlínica RJ.

Cíntia Verusca disse...

Obrigado pela atenção. Residimos em Brasília-DF. Mas vou procurar um alergista.

Myckon Freitas disse...

Queria fazer uso da substância Quitosana, mas por conta de ser alergico à crustáceos, tenho medo. Como fazer um teste, saber se essa dosagem de quitosana desencadearia um processo alérgico?

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Myckon: Quitosana pode provocar alergia em pessoas alérgicas ao camarão, mas para afirmar sobre seu caso, é essencial examinar pessoalmente. Aconselho que procure um alergista. Caso more no Rio, estamos ao seu dispor na Policlínica. Gratospor sua visita. Aproveitamos para convidá-lo a assinar nosso blog, passando a receber os textos diretamente em seu e-mail.

Anônimo disse...

Olá, muito bom esse blog.

Nunca fiz teste de alergia, mas acho que sou alergica a camarão, toda vez que como camarão me dá coceira na garganta. Comocei a tomar quitosana e a minha garganta não coça mas fica estranha parecendo que tem algo enroscado na garganta, seria reação alergica?

Grata

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Quitosana pode provocar alergia em pessoas alérgicas ao camarão. Aconselho que interrompa o produto, procure um alergista para evitar que agrave. Gratos por sua visita.

Anônimo disse...

oi galera nossa, e terrivel mesmo essa alergia, eu tenho vaaaaaaaarias, a camarao, leite, corante, picada de inseto.. aff.. e eu comia camarao, tomava leite a vontade.. ha uns 12 anos atras q veio aparecer uma alergia aqui.. ali.. sempre de leve.. ate chegar ao pior.. q eh qnd fica visivel q vc esta passando mal.. vermelha.. se cocando.. boca inxada.. nao consigo evitar ainda.. sempre q poss como um poquinho.. nem q seja um poquinho.. mas sim, a minha pergunta e essa, pq nos passamos tanto tempo se alimentando de tal cois, passa-se anos.. e vem alergia??

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

A alergia nunca surge no primeiro contato mas sim com o passar do tempo, pois é necessário que ocorra a sensibilização ao agente causador da alergia, ou seja, pouco a pouco o organismo torna-se sensível ao alimento (no caso do camarão) . Gratos por sua visita.

Helder Rafael disse...

Comí camarão minha vida inteira sem problema, mas há um mês que como e toda vez que como amanheço com o rosto inchado e os olhos fechados, por que só apresentou agora depois de muito tempo? Tem cura? O que devi fazer?

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Helder: a alergia nunca ocorre da primeira vez, mas sempre após a sensibilização, ou seja, após muitas vezes em que ingere o camarão. O tratamento implica no afastamento do alimento de sua dieta. Aconselho que procure um alergista.

Anônimo disse...

Parabens pelo blog, muito responsável e profissional.
Gostaria de saber se ingerir carvão ativado após a ingestão acidental de camarão pode aliviar a reação alérgica. Pergunto porque também fui surpreendido, aos 33 anos, por uma reação forte após uma vida comendo camarão e sentido apenas uma coceirinha na garganta, após a qual fiz uso do carvão. Gradualmente, os sintomas foram desaparecendo.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Os dados que envia não são suficientes para afirmar, já que a alergia pode se manifestar de forma peculiar em cada momento, ou seja, há uma história natural da doença que pode sofrer a influência de diversos fatores. Uma vez manifestada a alergia, o ideal é evitar a ingestão do camarão para evitar reações alérgicas mais graves. Gratos pela visita e pelo incentivo ao nosso trabalho voluntário neste blog da Alergia.

Renato disse...

Boa Tarde!
meu nome é Renato sempre comi camarão até que um dia me deu uma alergia brava que tive que ficar internado o camarão de agua doce pode causar esse efeito. quando fui atendido o medico disse que me deu alergia foi iodo.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Renato: estudos comprovam que não é o iodo que causa a alergia ao camarão mas sim proteínas nele contidas. Gratos por sua visita ao nosso blog.

KS disse...

agora to confusa... ontem ingeri spaguetti ao frutos do mar e hj acordei com os dois olhos inchados e coçando demais... achei q era por conta do esmalte ( sou alergica a esmaltes) mas a unha ja fora feita ha mais de 1 semana... sera o camarao?

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

KS: não posso emitir um parecer sobre seu caso baseado apenas em seurelato sem examinar pessoalmente. Ambos os fatores podem causar edema de pálpebras. Caso more no Rio, a nossa equipe médica está ao seu dispor para avaliar seu caso e prestar maiores esclarecimentos

Anônimo disse...

Sou alérgico a camarão, os sintomas começaram a aparecer quando já estava com 30 anos de idade - antes disso comia camarão frequentemente e não apresentava nanhuma reação alérgica. Meu quadro de alergia começou com coceiras e espirros e hoje é bem compexo e avançado - e nesse final de semana digeri um pedacinho de lagosta e tive a mesma reação - fui parar no hospital - são diversos sitomas simultâneos - circulatório, respiratório, vermelhidão na pele, cansaço, espirro, náusea, vômitos e coceira no corpo, dificuldade para respirar, queda na pressão arterial, cheguei a desmaiar - só melhorei depois que tomei o anti alérgico direto na veia... fiquei todo inchado e meu medo maior foi a dificuldade para respirar - quase sufoquei... enfim, já havia banido o camarão da minha vida, agora terei que fazer isso com todos os demais frutos do mar....

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Pessoas alérgicas a camarão devem evitar a ingestão de crustáceos e frutos do mar. Gratos por sua visita.

Carol C. disse...

Olá. Tenho 30 anos, e consumo camarão desde criança, sem problema algum. Mas atualmente estou em tratamento para síndrome do pânico, e entre outros problemas, estou com um medo grande de ingerir camarão novamente e ter reação alérgica forte, já que sufocar é o meu maior medo desde que fui diagnosticada com o pânico.
Gostaria de saber se realmente é possível uma pessoa sem alergias, que sempre ingeriu crustáceos, de repente ter fechamento de glote por causa de camarão. Obrigada e parabéns pelo blog.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Carol: uma alergia não surge da primeira vez, mas sim depois que a pessoa já ingeriu o alimento em outras ocasiões. Não há como prever quem terá ou não alergia e que tipo de alergia ocorrerá.Agradecemos sua visita. Volte sempre.

Kristine disse...

Boa tarde, Tenho 22 anos, sempre comi camarão, mas no verão passado, na praia, depois de 1 dia de ter comido camarão, fiquei com a barriga muito inchada e com pintinhas vermelhas na pele. Depois de uns 30 dias, comi novamente, fiquei apenas com as pintinhas vermelhas que logo saíram. Contudo, estou num processo de emagrecimento, tomando um remédio fitoterápico que possui 150mg de quitosana. Tomei dois dias do remédio e nada apareceu, mas depois de alguns dias, aproximadamente uns 3, 4 dias, fiquei com a barriga muito inchada e com poucas pintinhas vermelhas pelo corpo. Devo suspender o uso do medicamento ou pode não ser alergia, apenas uma intolerância???

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Kristine: pessoas alérgicas a camarão podem fazer reação com quitosana. Mas, para afirmar se é o seu caso, é essencial avaliar pessoalmente. Aconselho que procure um alergista para orientá-la. Gratos por sua visita.

Anônimo disse...

Caros,
Fiz dois exames para alergia pois suapeitava de alergia a camarão depois de um episodio em que comi camarão seco e tive inchaço nos olhos e boca, além de falta de ar que ocorreram muitas horas depois. O cutâneo deu negativo para camarão, só apresentou reação para ácaros, o médico me recomendou fazer FX2 e o resultado foi esse:
FX2/FX2 (PEIXES E CRUSTACEOS) IGE MÚLTIPLO . . . . : 0,13 KU/L
Intervalos de Referência:
Classe 1: 0,35 a 0,70
Classe 2: 0,70 a 3,50
Classe 3: 3,50 a 17,50
Classe 4: 17,50 a 50,00
Classe 5: 50,00 a 100
Classe 6: maior que 100
Interpretação - Negativo: Classe 0
Reagente: Classe de 1 a 6
Método : Immunocap - Fluoroimunoensaio
Amostra: Soro
Eu viajo bastante e acabei não procurando mais o médico para dar um parecer sobre o exame, de qualquer forma tem 2 meses que fiz este exame e não vou poder marcar nova consulta em menos de 30 dias. Seria possível interpretar alguma coisa a partir do que informei? É muito arriscado para mim, com base nas informações que pude disponibilizar, voltar a ingerir camarão? Existe algum outro exame que eu possa fazer?
Grato,
Samuel

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Samuel: o parecer que solicita não pode ser emitido através de aconselhamento na internet. O diagnóstico da alergia ao camarão não se baseia apenas no exame da dosagem da IgE específica, mas sim na análise criteriosa do seu histórico clínico. Não é aconselhável ingerir camarão ou cristáceos e frutos do mar até que o seu alergista emita seu parecer a respeito. Gratos por sua visita.

Glória Barreto disse...

Boa tarde! Meu nome e Glória Barreto.. Bom, Quando criança, comia muitoo mariscos.. mas um certo dia, com meus 19 anos comi siri com farinha... mas nao dei coceira nem vermelhidão... So vomitava, vomitava e vomitava! Comecei vomitar as 17hs da tarde.. 2 horas apos que o comi! Fui parar de vomitar as 4hs da manha.. mesmo assim pq ja estava no hospital e tomando soro com alguns remedios pois parecia que estava com veneno no estomago de tanto que doia e pressionava! Ja nao tinha comida no estomango, mas formava uma coisa verde e amargaa.. diz o medico que e a Bile que ainda produzia! tempos depois comi camarão.. mas, comi apenas o caldo do Bobó.. e nao demorou 1 hora pra começar a mesma historia! parei novamente ao Hospital! E quando foi ontem, o camarao estava muito cheiroso e comi MEIO.. mais nada, tem noção? Ja passei mal denovo.. mas foi menos do que das duas vezes.. iih, nao chega nem perto! Bom, nao fiz nenhum exame.. sera que e alergia? Vejo as pessoas falar de vermelhidão inchacho.. mas nunca de vomito.. o que sera? Obrigada!

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Glória:nem toda reação alimentar é causado por alergia. O seu relato não deixa claro que tenha sido uma alergia. Aconselho que procure um alergista para orientá-la. Agradecemos sua visita ao nosso blog.

Nanda disse...

Bem tive uma reação a carangueijo mt tempo atraz quando eu era pequena, desde entao tenho medo de comer camarão e sonho em comer a lagosta...Como o vatapá da baiana de acarajé e não sinto nada... porém quando é muito cheio de camarão minha garganta coça... fico sentindo uma gosma na garganta ... nunca comi um camarão, carangueijo ou siri com gosto... Fiz varios exames e a medica solicitou o um que cola nas costas, ela me disse que a alergia que eu teria seria da proteina que tem no camarão.. essa mesma proteina tem na lagosta???

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Nanda: pessoas alérgicas a camarão tendem a fazer alergia a todos os crustáceos (camarão, siri, lagosta, caranguejos). Gratos pela visita.

Kelly Dias disse...

Ai, to aqui passando mal e pesquisando sobre alergia e intolerância ao camarão, me parece que tenho intolerância, infelizmente. Comi há dois dias atrás e ontem comecei com um quadro de diarreia e dores abdominal muito forte, a ponto de não conseguir respirar direito, minha respiração fica curta pois não consigo forçar o abdome, dói pra sentar, pra levantar, pra deitar, não existe uma posição boa, além da barriga inchada começando da altura do estomago até bem embaixo da barriga. Já tive isso há um ano atrás mais ou menos, tinha comido muito camarão e passei muito mal, mais do que essa vez, desconfiei que poderia ser o camarão, agora tenho certeza. Sei que demora uns 4 dias pra ir voltando ao normal, mas queria saber se tem alguma coisa que poderia tomar pra melhorar mais rápido, além de tomar muito líquído.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Kelly: o seu relato sugere que possa ser um caso de intolerância alimentar, mas para afirmar e para indicar um medicamento é essencial examiná-la pessoalmente. É aconselhável procurar atendimento médico caso não obtenha melhora com as medidas caseiras. Gratos por sua visita

Anônimo disse...

Boa noite, eu comi sexta-feira "pitú" camarão da região nordestina e fique com a garganta fechada e com muita dor no ouvido e me deu uma tosse imensa e agora com um catarro la no fundo. Isso pode ter sido do camarrão ou a chuva que tomei no dia anterior com o ar-cndicionado?

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

O seu relato não deixa claro que tenha sido uma alergia ao camarão. Aconselho que procure um alergista para uma orientação adequada. Gratos por sua visita.

Anônimo disse...

estou preocupada fiz camarão, na abobora, meu filho 22 anos colocou uma colher na boca, começou a passar mal,coceira na garganta , e sentia a garganta fechar, passou muito mal, ele não quer ir ao hospital, tem algum perigo que devo fazer obrigada joceli

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Joceli: voc~e está com a razão, o ideal é que seu filho seja atendido em hospital. E, passada a crise, deve procurar um alergista para que receba a orientação adequada. Agradecemos sua visita.

Leonardo Barbosa disse...

tomo o antialergico minutos antes de ingerir o camarao e nao tenho reaçoes adversas.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Leonardo: não recomendo esta conduta. O uso do antialérgico antes de ingerir o alimento não impede se você for mesmo alérgico ao camarão. Gratos pela visita.

Anônimo disse...

Olá. Meu nome é Renato e sou alérgico a camarão. Porém gostaria de saber se eu posso consumir anéis de lula fritos, posto que este é um molusco e não um crustáceo. Obrigado pela atenção.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Renato: algumas pessoas podem desenvolver alergia à lula. Por isso, aconselho que converse com seu alergista, que conhece seus dados clínicos, sendo a pessoa mais apropriada para orientá-lo. Gratos pela visita.

Anônimo disse...

ola sou ednilson cupertino a um ano atras soube que sou alergico a camarao e entao nao como mais a minha pele empolava e tinha muita coceira e hoje nao empola mais mas a coceira continua eu tomava o doxepina todos os dias e nao tomo mais porque me da muita sonolencia e nao consigo trabalhar direito o que eu faço para essa coceira me larga?

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Ednilson: uma coceira pode ter causas variadas e nem sempre é causada por alergia. Para poder orientar, é essencial conmhecer seus dados clínicos para pesquisar a causa no seu caso. Aconselho que procure um alergista. Caso more no Rio, a nossa equipe médica está ao seu dispor na Clínica de Alergia da Policlínica Geral do Rio de Janeiro para avaliar seu caso e prestar maiores esclarecimentos.

Anônimo disse...

Olá, meu nome é Douglas, ja havia consumido camarões várias vezes, porém em algumas delas, coisas estranhas aconteceram. Na minha primeira reação, estava ajudando a limpar o camarão, e quando olhei para minhas mãos, placas vermelhas haviam aparecido, e senti MUITA coceira. Um dia comi camarão frito com casca, e minha garganta coçou muito. Depois disso, comi bobó de camarão, sem a casca, e nada de mais aconteceu. Hoje a comida seria feita com camarão. Ao comer apenas UM, que estava sendo frito, minha garganta começou a coçar muito, e senti como se estivessem crescendo caroços nela... senti azia e um pouco de falta de ar, mas depois de uma hora os sintomas sumiram. O que eu devo concluir disto?

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Douglas: é provável que você esteja desenvolvendo uma alergia ao camarão. Sugiro que procure uum alergista para orientá-lo. Estamos ao seu dispor, caso more no Rio de janeiro. Gratos pela visita ao nosso blog.

Anônimo disse...

Sempre ingeri alimentos aditivos ou seja com corantes e nunca aconteceu nada comigo. Mas certa vez eu ingeri emm excesso e tive alergia poucas horas depois. Passei no medico fiz exame de sangue e ele disse que sou alergica a corante. Disse que eu poderia comer alimentos com corante mas moderadamente.depois disso voltei a ingerir alimentos com corante e nao me acontece nada. Isso eh realmente verdade ? Uma pessoa pode ser alergica a um alimento apenas algumas vezes ? Aguardo resposta ..

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

As reações alimentares a corantes e aditivos nem sempre são alérgicas (imunológicas). Reações alérgicas ocorrem sempre que se ingere o alimento, mesmo que seja em mínimas quantidades. Gratos pela participação em nosso blog.

Anônimo disse...

De um tempo pra ca, sinto coceira na garganta e as vezes nas mãos quando como camarão ou siri, mas nunca passou disso. E com o camarão isso só acontece se ele for ao bafo, quando como em empadão, salgadinho de festa ou algo assim, não sinto nada. Pode não ser alegia?

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Os alimentos podem provocar diversos tipos de reação e nem sempre são de causa alérgica. Para emitir um parecer, é essencial examinar pessoalmente. Obrigado pela visita ao nosso blog.

Laura Brayner disse...

Ola bom dia, vim perguntar o por que e si tem um antialergico para o meu problema pois quando como qualquer tipo de peixe exceto sardinha e atum enlatado sinto uma dor horrorosa no abdômen chegando a vômitos e muitas dores fico mal. O que so me alegam que tenho alergia a proteína do peixe enfim gostaria de saber o que possa ser isso e si a algum antialergico que possa tomar e comer um peixinho sem ir para o hospital.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Laura: se for comprovada a alergia à proteína do peixe (reação imunológica), a solução é não ingerir o alimento causador da alergia. Infelizmente, remédios ou vacinas não alteram a alergia e não impedem a alergia. Gratos pela visita.

Anônimo disse...

Boa tarde.
Tenho 54 anos e minha vida inteira comi camarão. Há uns 3 meses atrás fui a um aniversário e quando comi um salgado de camarão e imediatamente minha lingua inchou. Após 2h mesmo sem remedios tudo voltou ao normal. Durante estes 3 meses comi diversas vezes camarão e inclusive algumas vezes em grande quantidade. Ontem fui à outro aniversário e comi um bobó de camarão, meia hora depois, meus olhos incharam e apareceram diversas placas com bolhas no corpo. Mesmo tomando comprimidos de Polaramine, 24hs depois os olhos ainda continuam um pouco inchados. As manchas sumiram logo após a ingestão do remedio. Existe a possibilidade de existir alergia sómente a alguns componentes do camarão tipo a ova, o rabo e etc? Nas 2 vezes que aconteceu este tipo de reação achei o gosto do camarão um pouco estranho como se estivesse estragado. É possível ter esta reação apenas quando o camarão está estragado?
Desde já agradeço a atenção.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Uma pessoa alérgica ao camarão, não pode ingerir o alimento, mesmo em mínimas quantidades. Mas, nem toda reação ao camarão tem causa alégrgica. Não posso analisar seu caso pela internet, sem uma avaliação criteriosa e pessoalmente. Aconselho que procure um alergista para orientá-la.Gratos pela visita ao nosso blog.

Anônimo disse...

Boa Noite, já havia comido camarão poucas vezes na minha vida. No dia 20/04/2013 comi muito camarão e, no dia 24/04/2013 é que comecei a perceber uma coceira pelo corpo que evoluiu surgindo calombos vermelhos e persiste até hoje, dia 04/05/2013 mesmo estando medicada e tomando antialérgicos (agora mais brando). Fico em dúvida somente se é possível a alergia surgir 04 dias após ter comido camarão.
Obrigada.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

É mais comum que uma alergia seja de surgimento imediato. Mas, em alguns casos, pode aparecer de forma tardia. Gratos pela visita ao nosso blog.

Anônimo disse...

Quanto tempo persiste a alergia a camarão? Fui medicada e estou tomando remédios há uma semana e até hoje não passou totalmente a coceira do meu corpo.Obrigada.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

O tempo de duração de uma alergia a camarão depende de vários fatores, como: 1) tipo de alergia 2) gravidade da alergia 3) quais os medicamentos utilizados, dose e tempo prescrito Por isso, para opinar é essencial examinar pessoalmente. Aconselho que retorne ao seu alergista para que receba uma orientação apropriada Gratos pela visita.

Legrand ChAcAL disse...

Gostaria de deixar relatado aqui a minha experiencia com relacao a alergia a frutos do mar.
Quando crianca eu nao tive nenhum problema em relacao ao consumo de camaroes, caranguejos, ostras, mariscos, lulas e polvo mas,
por algum motivo, aos 13 anos a alergia aa frutos do mar se desenvolveu em meu organismo.
Eu nao podia colocar na boca esses alimentos que meus labios inchavam, o ceu da boca , lingua e garganta cocavam e por final sentia uma indisposicao estomacal.
Essa alergia se tornou pior com o passar dos anos e aos 18 eu nao podia nem sentir o cheiro de camarao que ja comecava a passar mal.
O tempo foi passando e, por gostar de camarao, mesmo sem poder comer, sempre que tinha oportunidade,
experimentava dar uma mordiscada em camarao para saber qual a reacao que meu corpo teria.
E a alergia sempre se mostrou presente. Os labios sempre davam o primeiro aviso. Coceira e Inchaco.
Fiz isso a vida toda. Foram varias vezes que eu me testei. E nunca procurei um medico para tentar me curar.
Aos 35 anos, em uma das vezes que experimentei camarao, nao senti o costumeiro inchaco nos labios, tambem nao senti coceira na lingua e no ceu da boca, e nenhum dos outros sintomas.
Experimentei comer um camarao inteiro nesse dia e aguardar. Nada...
No dia seguinte repeti a dose...nada...Nos dias seguintes fui aumentando a quantidade. Um, dois, quatro...uma porcao...e nada...
Pois e....depois de mais de 20 anos a alergia tinha se curado e eu ainda nao sei o porque. Alguem tem uma explicacao?

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Legrand: a alergia alimentar não cura na maioria das vezes. Uma vez instalada a lergia, os sintomas surgirão sempre que o alimento for ingerido.Em raros casos, por motivos complexos,uma pessoa pode voltar a tolerar o alimento, em especial nos casos não imunológicos. Aconselho que mesmo assim tome cuidado e peça a orientação de um alergista para evitar problemas no futuro Gratos pela visita

Fabrícia Kümmer disse...

Oi, meu nome é Fabrícia, tenho 18 anos. Sou alérgica a camarão desde os 5 anos. A minha primeira crise foi após inalar o cheiro do camarão sendo cozido, eu estava dormindo e quando acordei estava com o corpo vermelhoe o rosto inchado. Passado alguns dias, comi camarão em uma festa então os sintomas foram os mesmos. À partir daí fui "diagnosticada" como alérgica a camarão, siri, carangueijo e etc. Recentemente comi camarão meio que sem querer, fui parar no hospital com uma crise horrível. Fiquei quase em estado terminal. Corpo, rosto ambos ficaram roxos, fiquei quase sem respirar. Morro de vontade de comer sushi mas morro de medo de comer porque um amigo meu é alérgico a frutos do mar, exceto peixes (assim como eu), mas ele foi proibido de comer sushi, será que eu posso comer?

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Fabrícia: o parecer que solicita não pode ser feito pela internet. Para responder se você pode comer sushi, é essencial analisar seus dados clínicos de forma criteriosa e pessoalmente. Caso more no Rio, a nossa equipe médica está ao seu dispor na Clínica de Alergia da Policlínica Geral do Rio de Janeiro para avaliar seu caso e prestar maiores esclarecimentos.Gratos por sua visita.

Anônimo disse...

Sou alérgica a camarão e demais frutos do mar, não podendo mais ingerí-los. Gostaria de saber se posso comer camarão de água doce.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Pessoas alérgicas a camarão e frutos do mar devem evitar a ingestão de qualquer tipo de camarão, crustáceos e similares. Gratos pela visita.

Karine Ferreira disse...

Olá! Tenho alergia grave ao camarão. No último ano novo, tive a primeira reação alérgica séria, com inchaço no rosto e edema na glote. Depois disso, até o cheiro do camarão me faz ter alergias graves. Não tenho a intenção de comer o camarão, mas teria a possibilidade de sentir o cheiro e não passar mal? Evitar comer é fácil, mas evitar sentir um cheiro é bem mais complicado!

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Karine: Infelizmente ainda não há uma vacina ou tratamento específico para alergia ao camarão. Mas, para emitir um parecer sobre seu caso, é essencial avaliar pessoalmente. Aconselho que procure um alergista.
Caso more no Rio, a nossa equipe médica está ao seu dispor na Clínica de Alergia da Policlínica Geral do Rio de Janeiro para avaliar seu caso e prestar maiores esclarecimentos. Gratos por sua visita.

Karine Ferreira disse...

Obrigada! Fiz um exame, IGE, e constatou negativo (0,3), apesar das reações. Isso é comum?

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Karine: nem toda reação alimentar é de causa alérgica. mas se a reação for de origem imunológica, a dosagem da IgE específica será positiva. Gratos pela visita.

Jessica Cavalini disse...

Olá, já havia comido camarão algumas vezes, porém desta vez tive sintomas de alergia, manchas vermelhas e coceira na pele. Não fui de imediato ao médico, pois achei que logo passaria. No 3º as manchas haviam invadido meu corpo. Fui consultar e o médico diagnosticou alergia a camarão. Estou tomando maleato de dexclorfeniramina a dois dias, mas não houve redução das manchas e nem da coceira. Estou preocupada, é normal essa demora? Obrigada.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Jessica: se você está medicada e não obteve melhora, é aconselhável que retorne ao alergista para nova avliação e conduta. É essencial examinar para diagnosticar o tipo e intensidade da alergia para indicar o tratamento mais adequado. Nem sempre apenas o antialérgico (dexclorfeniramina) é suficiente para controlar a crise. Estamos ao seu dispor caso você more no Rio de Janeiro. Gratos pela visita.

lise disse...

Comi Marisco temperado com cominho, sal, limão, coentro, azeite, camarão batido, acompanhado de arroz. Depois que comi tomei suco de limão para ajudar na digestão: resultado: NÃO ESTOU BEM DESDE QUANDO INJERIR....ESTOU COM UMA SENSAÇÃO DE QUEIMAÇÃO NO ESTOMAGO, CALOR NA GARGANTA, CALOR NA RESPIRAÇÃO...ESTOU COM MUITO MEDO...AJUDEM-ME!

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Sugiro que procure atendimento médico
Obrigado pela visita

Anônimo disse...

Caros,

Antes de mais, os meus parabéns pelo muito interessante e esclarecedor blog!

Tenho 33 anos, sofro de rinite alérgica, com alergias até ao momento “identificadas” ao ácaro é á lixivia.

No entanto, desde há muitos anos que suspeito que possa ser alérgica ao camarão. Como, de facto, não sou grande apreciadora (o que é algo estranho tendo em conta a minha gula!  ), acabo por comer muito raramente; frequência essa que ainda foi-se diminuindo mais, na medida em que, sempre que comia e notava leves alterações cutâneas, fui estando mais atenta e evitando ainda mais o consumo…

No entretanto, na semana passada, uma amiga convidou-me para jantar, e tinha preparado uma pasta deliciosa que continha também alguns poucos camarões, dos pequenininhos. Não resisti, e como a reação vinha sendo sempre muito suave, e comi alguns pouquinhos camarões (perdidos no delicioso molho da pasta). Nessa mesma noite, mal chego á casa e vou tomar o meu banho, vejo na banheira placas avermelhadas na parte dianteira de ambas as pernas. E a mesma reação nos antebraços, porém em muito menor dimensão. Durou cerca de uma semana, com alguns episódios de coceiras breves, que surgiam e passavam logo de seguida! Hoje, transcorridos cerca de 8 dias, as manchas tornaram-se arroxadas e tendem a desaparecer gradualmente, e sem qualquer consulta ou tratamento!
Gostaria que me esclarecessem se esse episódio pode ser de alergia ao camarão?

Obrigada!

Cumprimentos e mais uma vez os votos de todo o meu reconhecimento pelo excelente trabalho desenvolvido no blog!

IA

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

IA: o seu relato sugere que possa ter ocorrido uma reação alérgica ao camarão, mas não há como afirmar pela internet sem examinar pessoalmente. Aconselho que não coma camarão e outros frutos do mar e procure um alergista para orientá-la de forma correta e segura. Agradecemos sua visita e suas palavras de incentivo ao nosso trabalho voluntário no Blog da Alergia

Anônimo disse...

Muito grata pela orientação!

Não irei comer mais camarão, o que de resto será fácil por não ser grande apreciadora!

No entanto, relativamente aos outros frutos do mar, queria saber se referem-se somente aos crustáceos? É que, de facto, o único marisco que me faz perder a cabeça é a ostra!

Será que por ser um molusco posso consumir ou aconselham-me igualmente a não ingestão?

Muito obrigada!

IA

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

IA: é imprevisível. Sendo assim, não recomendo que inclua em sua dieta até que um médico alergista possa orientá-la pessoalmente.

Anônimo disse...

Obrigada, mais uma vez! Procederei de acordo com o vosso prudente aconselhamento!

Cumprimentos!

IA

Anônimo disse...

Olá! Me chamo Regi Rosa, tenho 33 anos e sempre comi frutos do mar e nunca tive problemas, até que um dia... Fui almoçar em um restaurante próximo ao meu serviço e o prato era estrogonofe de camarão. No período da tarde eu acabei ficando com a região do queixo até o meu colo toda vermelha e com muita coceira, então tomei um antialérgico e acabou aliviando. Depois disso fiquei um tempinho sem comer camarão, mas depois que comi novamente acabou não acontecendo nada. Há pouco tempo, fui em outro restaurante e me servi de ostra gratinada, lula e bolinho de peixe e acabei ficando com meu lábio inferior todo inchado na região interna, fiquei super preocupada! Então resolvi procurar um Alergista que me pediu alguns exames IgE Específica (Lula F258), IgE Específica (Camarão F24), IgE Específica (Ostra) - Rast Ostra e IgE - Imunoglobulina E. Apenas o IgE Específica (Camarão F24) deu alterado. Acusou resultado 0,55 - Classe 1 e mediante a essa informação, gostaria de saber o que isso significa. Não poderei mais comer camarão? Obrigada pela atenção e fico no aguardo.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

O seu relato é sugestivo de alergia a proteina do camarão, porém o seu médico alergista é a única pessoa habilitada para diagnosticar e confirmar a sua hipótese de alergia a camarão.
Obrigado pela visita.

lourdes duarte disse...

Olá meu nome é Lourdes e sou alérgica a crustáceos ja comprovei isso através de exames, porem estou um pouco acima do peso e queria adicionar a minha dieta o uso do termogênico lipo 6 tem algum problema já que no composto tem quitosana?

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Lourdes: pessoas alérgicas a camarão devem evitar quitosana. Gratos pela visita.

lourdes duarte disse...

obrigado pela resposta! Outra pergunta, mesmo sendo tirado do exoesqueleto desses crustáceos e misturado com cafeina e outros componentes naturais corre o risco de eu desenvolver reações como essa citadas nos comentários acima já que tenho alergia aos crustaceos? ou seria talvez de uma forma mais leve?

lourdes duarte disse...

Adorei o blog de vocês é um trabalho maravilhoso! parabéns a toda equipe.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Lourdes: não posso opinar específicamente sobre seu caso. Mas, existem relatos de alergia a quitosana relacionados com alergia a camarão. Sendo assim, é prudente que procure um alergista para orientá-la antes de usar o produto. Agradeço em nome da equipe suas palavras carinhosas de incentivo ao nosso trabalho voluntário no Blog da Alergia.

Anônimo disse...

Quando comi camarao logo me deu uma coçeira na garganta é alergia?

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Provavelmente sim. Procure atendimento médico para melhor elucidação do caso.
Obrigado pela visita

«Mais antigas ‹Antigas   1 – 200 de 210   Recentes› Mais recentes»

Postar um comentário

"Os comentários publicados sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. Os autores deste blog reservam-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgarem ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou sem a devida identificação de seu autor também poderão ser excluídos".

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...